domingo, 21 de junho de 2009

Compulsão Obsessiva



Se investigássemos a origem e a causa das obsessões – doenças da alma -, as encontraríamos em nossos pontos fracos e em determinados comportamentos autodestrutivos que, conscienten ou inconscientemente, adotamos.
(Imensidão dos Sentidos – Hammed, pag. 48)
Acreditamos que as coisas e as pessoas é que nos fazem infelizes, mas isso não é verdade – somos causa e efeito de nós mesmos. Não existe fatalismo em nossa vida, apenas atração e repulsão, conforme nossa sintonia vibracional.

Quando aprendemos a pensar e agir de maneira moderada e saudável, a obsessão termina, porque nos torna-mos livres e equilibrados, não mais perpetuando os pensamentos desajustados.

(Imensidão dos Sentidos – Hammed, pag. 49)

Nenhum comentário:

Postar um comentário