domingo, 27 de dezembro de 2009

Mediunidade e autoconhecimento


"Os Espíritos Superiores têm por missão nos ajudar a compreender o que realmente somos e o que realmente sentimos. Estão sempre nos incentivando a parar de simular a criatura idealizada que imaginamos ser, para que possamos descobrir dentro de nós os sentimentos e atitudes desagradáveis que nos causam tantos transtornos e desarmonia."
"O autoconhecimento é gradativo e deve ser exercitado ao longo de toda a nossa existência. Muitas vezes, se torna um processo doloroso. Outras, é uma estrada repreta de paz e alegria. Mas, de qualquer forma, ele é indispensável para que se efetive a evolução espíritual."
Hammed / Francisco do Espírito Santo Neto

domingo, 20 de dezembro de 2009

O ser translúcido


“Negar os próprios sentimentos e emoções indica autodesonestidade. Ser honestos com nós mesmos implicará, por consequência, uma postura interior que dificilmente nos levará a ser falsos com os outros.”
“O ser translúcido é aquele que adquiriu a qualidade de deixar passar a luz espiritual de forma nítida, sem permitir que obstáculos maiores prejudiquem a autenticidade das manifestações transcendentais. Ele reconhece perfeitamente os próprios sentimentos e emoções.”
Francisco do Espírito Santo Neto pelo espírito Hammed

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Conexão Interior

Programa de rádio com Luiz Antonio Gasparetto na Rádio Mundial
Gasparetto conversando com você - Dia 16/12/2009
Tema: Conexão Interior

domingo, 13 de dezembro de 2009

Senso crítico


“Ninguém vê o mundo da mesma maneira; por isso, todos temos que a aliar ou apreciar a vida, fundamentados na particularidade de nossas experiências pessoais.”
“Dizer simplesmente o que é correto ou incorreto revela muitas vezes apenas um conhecimento subjetivo, pessoal.”
“Cada um de nós é um projeto da Natureza, que nos torna seres originais. Nossa alma tem sua própria história de vida.”

Francisco do Espírito Santo Neto / Hammed

domingo, 6 de dezembro de 2009

Crescimento, não martírio


“(...) analisaremos, aqui, o ‘arquétipo do herói’(...).”
“Quem tem um ‘herói’ dentro de si tem igualmente um outro lado, um ‘mártir’. As pessoas em cuja existência predomina o ‘arquétipo do herói’ vivem heroicamente estressadas.”
“A criatura que vive de modo intenso numa estrutura mental de ‘herói’ irá gerar, consequentemente, uma estrutura oposta – o culto à dor e ao martírio. Essas estruturas se interagem. Ora a personalidade está numa crise de ‘heroica bravura’, ora na crise de ‘sofredora impotente’.”
“Não à glória em sofrer por sofrer!”
Livro: A imensidão dos sentidosFrancisco do Espírito Santo Neto
Pelo espírito Hammed