domingo, 28 de dezembro de 2014

Livre das amarras...


“Sidarta Gautama dizia: ‘A pessoa sábia, que corre quando é hora de correr e que diminui o ritmo quando é hora de diminuir é profundamente feliz, porque tem suas prioridades bem estabelecidas’.”
“Buda alerta que não devemos permitir que o julgamento dos outros determine quem somos e o que devemos sentir ou fazer. A propósito, não devemos deixar que o ponto de vista dos outros decida a hora de correr, desacelerar o passo ou parar completamente.”
“Se nós deixarmos que os elogios e as críticas das pessoas afetem nosso ‘senso íntimo’, então seremos prisioneiros do juízo alheio e perderemos a alegria de viver.”
“A Natureza não faz nada em série. Toda pessoa possui uma tendência inata de ser ela mesma.”

Hammed

domingo, 21 de dezembro de 2014

Os preocupados...



“Os preocupados vivem entorpecidos no hoje por quererem controlar, com seus pensamentos e com sua imaginação, os fatos do amanhã.”
“Os preocupados têm dificuldade de concentração no momento presente e, por isso, fazem com que a consciência se desvie do foco da experiência para a periferia, isto é, vivem entorpecidos no hoje por quererem controlar, com seus pensamentos e com sua imaginação, os fatos do amanhã.”
Hammed

“Para que deixar passar
o tempo sem sentir?
pois que na vida nada fica.
e a sensação de existir,
É a percepção dos momentos
dentro do coração.
olhar, ouvir e gostar
no gosto de cada instante,
na consciência interior.
Não há lutas para se travar,
não há queixas a se fazer.
apenas o deixar ser,
acompanhando o interminável
drama da vida.”

Gasparetto